• paiaia@radioconectados.com.br

Paiaiá na Conectados, edição 58, com Caju e Castanha(30/09/17)

Paiaiá na Conectados, edição 58, com Caju e Castanha(30/09/17)

A dupla Caju e Castanha foi criada pelos irmãos José Albertino da Silva (Caju) e José
Roberto da Silva (Castanha) quando ainda eram crianças. Eles se apresentavam
tocando pandeiros (feitos com lata de marmelada) em feiras e praças de Jaboatão dos
Guararapes, Pernambuco. O nome da dupla foi dado por um prefeito da própria
Jaboatão dos Guararapes, chamado Severino Claudino. No começo da década de 1980,
os irmãos se mudaram para São Paulo, onde inicialmente se apresentavam em ônibus,
participando do movimento de arte urbana da cidade. No ano de 1993, a dupla passou
a ser conhecida no país por meio da embolada "O ladrão besta e o ladrão sabido", do
disco “Solidão de um caminhoneiro”. Em 1997, a história da dupla foi contada no
documentário “Som da rua — Caju e Castanha”, com produção parcial da TVE Brasil.
Em 2001, Caju faleceu devido a um câncer no cérebro. Seu último show havia ocorrido
em 1999, na edição do festival Abril Pro Rock. Em seu lugar entrou o sobrinho Ricardo
Alves da Silva, que também assumiu o nome de Caju (chamado igualmente de
Cajuzinho). Site: www.cajuecastanha.art.br.

 

Carlos Silvio

Deixe sua mensagem