Equipe

Spread the love

Carlos Sílvio nasceu no povoado São José do Paiaiá, Nova Soure, Bahia (link abaixo), é radialista, apresentador e criador do programa Paiaiá na Conectados, que estreou dia 07/05/2016 na Rádio Web Conectados, da FUNSAI, e vai ao ar todos os sábados, às 12h00, ao vivo(www.radioconectados.com.br).

Em 2017 esteve entre os indicados ao prêmio “Melhores do Rádio”, pela Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA) na categoria Produtor de Jornalismo.

Estudou locução de rádio na Rádio Oficina do professor Cyro César.

Com os jornalistas Helvídio Mattos e Assis Ângelo criou e apresentou o programa “Vez e Hora do Brasil”, no Youtube.

Durante a Pandemia da Covid-19 criou e apresenta no Instragam (@cspaiaia), o programa de entrevistas Em Quarentena.

Entrevista profissionais dos mais variados temas.

Minha história: https://www.youtube.com/watch?v=F-FYDDIQniU&t=12s

www.radioconectados.com.br/locutor/9712/carlos-silvio

 

Darlan Zurc é escritor, historiador, professor e um dos autores de “A imaginação é um abismo” (Carapaça, 2016), “Baladas medievais” (Andross, 2017), entre outras antologias. Considerado pelo jornal “Folha de S. Paulo” como “muito crítico” e, segundo a rádio CBN paulista, “ele escreve bonito”. Colaborador tanto da obra “Feira de Santana e Ruy Barbosa” quanto de “Filosofia grega antiga” (as duas do Prof. Raimundo Gama), foi articulista da “Folha do Estado da Bahia” e colunista freelancer da “Tribuna Feirense”, ambos os jornais de Feira de Santana, município baiano, e é um dos produtores associados do documentário “Bonifácio, o fundador do Brasil” (2018), dirigido por Mauro Ventura. Site: www.darlanzurc.com

 

 

 

 Assis Ângelo

JORNALISTA E ESTUDIOSO DA CULTURA POPULAR, ACUMULA VASTA EXPERIÊNCIA NOS PRINCIPAIS JORNAIS DO PAÍS E TAMBÉM NA IMPRENSA ALTERNATIVA. ECLÉTICO, PARTICIPOU DE VÁRIAS COLETÂNEAS MUSICAIS E DE FILMES.
ASSIS ÂNGELO É PARAIBANO DE JOÃO PESSOA (1952). INICIOU A CARREIRA PROFISSIONAL NO JORNAL O NORTE, NO FINAL DOS ANOS 1960. FOI COLUNISTA E REPÓRTER DOS JORNAIS A UNIÃO E CORREIO DA PARAÍBA. EM MEADOS DOS ANOS 1970, EDITOU O DIÁRIO DO AGRESTE, EM CARUARU (PE). EM 1976, MUDOU-SE PARA A CAPITAL PAULISTA E, A PARTIR DO ANO SEGUINTE, TRABALHOU NOS JORNAIS FOLHA DE S. PAULO, DIÁRIO POPULAR E O ESTADO DE S. PAULO.
 NESTE ÚLTIMO, OCUPOU A CHEFIA DA EDITORIA DE POLÍTICA, EM 1987. INTEGROU OS QUADROS DAS TVS ABRIL/VÍDEO, MANCHETE E GLOBO. FOI CORRESPONDENTE, EM SÃO PAULO, DO JORNAL DE BRASÍLIA E COLABORADOR DE INÚMERAS PUBLICAÇÕES BRASILEIRAS, ENTRE AS QUAIS O PASQUIM E A TRIBUNA DA IMPRENSA, DO RIO DE JANEIRO; MOVIMENTO, DE SÃO PAULO; E COOJORNAL, DE PORTO ALEGRE. TAMBÉM FOI COLUNISTA DA AGÊNCIA ESTADO E UM DOS CRIADORES DA AGÊNCIA BRASILEIRA DE REPORTAGENS (ABR).
PRODUZIU E APRESENTOU PELA RÁDIO CAPITAL O PROGRAMA SÃO PAULO CAPITAL NORDESTE, QUE SE TORNOU LÍDER DE AUDIÊNCIA E REFERÊNCIA NACIONAL, POR MAIS DE SEIS ANOS. EM 1998, FOI AGRACIADO COM O TÍTULO DE CIDADÃO PAULISTANO PELA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO.
PARTICIPOU DO LONGA-METRAGEM FRANCO-BRASILEIRO SAUDADE DO FUTURO, DE CÉSAR PAES E MARIE-CLÉMENCE, PREMIADO NA EUROPA E ESTADOS UNIDOS. ESSE FILME FOI BASEADO EM UM DOS SEUS LIVROS, A PRESENÇA DOS CORDELISTAS E CANTADORES REPENTISTAS EM SÃO PAULO.

www.assisangelo.blogspot.com.br

 

 

 

Sérgio Martins é jornalista, passou pela Revista BIZZ, foi repórter de música de VEJA, um dos jornalistas que mais conhecem de música no Brasil, autor do blog VEJA Música, responsável pelas matérias de música da Revista Veja e apresentador do Veja Música. Programa que ele entrevistava grandes nomes da música nacional e internacional.  Nela, você acompanha entrevistas realizadas com os artistas mais ouvidos do país, em um bate-papo informativo e descontraído.

Conheça o site do Sérgio Martins clicando:

https://www.serjonesmartins.com/

 

Facebook
https://www.youtube.com/channel/UCW7gLoeaKwZ9jy6c3KQjWfw
Instagram
WhatsApp WhatsApp